Setembro Amarelo – Como ajudar na prevenção do suicídio

Oie! Tudo bem? Hoje eu queria abordar aqui no blog um assunto muito importante e necessário a ser abordado. Setembro, é conhecido como o mês de conscientização sobre a prevenção do suicídio, graças a campanha Setembro Amarelo, a qual vocês podem saber um pouquinho mais clicando no banner dela no sidebar do blog.

O suicídio, para muitos, ainda é um grande tabu. No entanto, a cada ano que se passa a necessidade de se falar sobre este assunto só aumenta. Então, eu decidi abraçar um pouquinho essa campanha, fiz uma pesquisa sobre o assunto e decidi vir aqui mostrar algumas coisinhas muuuito importantes.

“Segundo dados de 2012 da OMS, no mundo, 800 mil pessoas cometem suicídio ao ano. O número de tentativas é ainda mais assustador: para cada caso de óbito, 20 outras tentativas são registradas. O Brasil é o 8º país na lista de casos: foram 11.821 casos registrados em 2012. Na faixa etária entre 15 a 29 anos, é a segunda causa de morte, ficando apenas atrás de acidentes de trânsito.”
Nessa imagem abaixo, vocês podem observar alguns dos principais fatores que fazem uma pessoa pensar em cometer suicídio. Lembrando que na maioria das vezes, o que leva uma pessoa a penar em suicídio não é apenas um fator, mas uma combinação deles.

Foto: ARTE: Soraia Piva

Quem quer se matar não avisa”. É uma frase que muitos falam por aí. No entanto, pelo menos dois terços das pessoas que tentam ou que se matam haviam comunicado de alguma maneira sua intenção para amigos, familiares ou conhecidos.

A ameaça de suicídio sempre deve ser levada a sério. Chegar a esse tipo de recurso indica que a pessoa está sofrendo e necessita de ajuda.

Como eu posso ajudar?

Tenha empatia.  Você não sabe o que a pessoa está passando, nem sentem nem metade de todos os sentimentos que estão dentro dela naquele momento. Saiba respeitar a dor do outro, sem julgar nem diminuí-la. Ouça atentamente, com calma, reserve todo o tempo que a pessoa precisar. Mostre-se preocupado. Faça para o outro o que você gostaria que fizessem para você.

Isso aqui é apenas um pouquinho da pesquisa que eu fiz. Quem quiser mais dados, ou saber um pouco mais sobre o assunto, aqui estão os links de algumas das minhas fontes:

http://www.cvv.org.br/downloads/manual_prevencao_suicidio_profissionais_saude.pdf

http://www.gazetadejoinville.com.br/portal/2017/04/25/medidas-que-podem-evitar-o-suicidio/

https://escoladainteligencia.com.br/combate-ao-suicidio/

http://www.setembroamarelo.org.br/

Se você está passando por situações difíceis e já considerou o suicídio uma possibilidade, saiba que essa nunca é a melhor opção e que você é importante sim! Eu estou com você, mesmo que a gente não se conheça tão de pertinho, eu juro que estou aqui, se você precisar conversar.

Minhas redes sociais estão todinhas aqui no blog, caso queira mandar mensagem.

O CVV – Centro de Valorização da Vida realiza apoio emocional e prevenção do suicídio, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo por telefone, email, chat e voip 24 horas todos os dias. LIGUE 141

YOU’RE INTERESTING AND YOU’RE DIFFERENT AND I LIKE THAT.

 

Continue Reading

Não guarde o amor!

Será mesmo que as pessoas banalizam o amor, como muitos dizem hoje em dia?

Dizer que ama alguém é errado?

E o medo de ser taxado como “trouxa” pela sociedade, porque é tão grande?

É tão estranho como na sociedade atual o amor é supervalorizado. Sim! Mas da forma errada.

Ele tem e deve ser, mas da forma certa.

Tem que ser valorizado como base, ponto de equilíbrio, e não como forma de valorizar a si mesmo e aumentar o orgulho próprio. O amor tem que ser mostrado, espalhado, sentido, compartilhado.Amar é fazer o bem a outrem mesmo que este bem pra você possa ser ruim. Amar é cuidar.
Cuide. Ame. Permita-se sentir. Seja você mesmo. Não há porque guardar o bem apenas pra você, esse deve ser considerado o pior e mais egoísta ato do mundo.

Então, compartilhe o amor, por favor! ❤️

O post de hoje foi textinho, bem inho mesmo, mas que é o meu xodó, pela mensagem que ele passa, mesmo com poucas palavras. Eu espero que vocês tenham gostado e entendam o que eu quis passar com ele. Peço desculpa a você por ter deixado o blog tanto tempo sem post, mas prometo que coisas boas estão vindo por aí!! Beijos e até o próximo post! 🙂

THERE ARE GOOD THINGS INSIDE YOU.

Continue Reading

O seu tempo

Rótulos, estereótipos, padrões impostos pela sociedade. É o que mais se vê hoje em dia.

Pessoas te julgando por qualquer mínimo passo que você der na SUA vida, seja pessoal ou profissional. Eu não aguento mais isso, cansei. Cansei de não poder seguir o meu próprio tempo.

Pessoas falando que demorei demais para fazer algo, o que talvez fiz muito rápido, ou então, que deveria ter feito de uma forma diferente.

Eu quero ser livre.

A verdade é: cada um tem seu tempo, a sua forma, os seus sonhos próprios, a sua felicidade, o seu jeito de ser. Ninguém é igual. Então, não julgue antes de saber a verdade do outro, o seu interior.

E ah, faça o que te faz feliz, contanto que não machuque o outro. Não se preocupe com opiniões alheias maldosa a respeito do que te faz feliz, afinal, eles não te conhecem de verdade e se te faz feliz, vale a pena.

Sejam felizes! 🙂

WHAT IS DONE IN LOVE, IS DONE WELL.

                                 – Vincent Van Gogh.

ps: obrigada por todas as curtidas, comentários e seguidores tanto aqui quanto na página do facebook! ❤

Continue Reading

Medo de… viver

Parece que alguém gostou de postar textinhos autorais aqui, não? Hoje, volto com mais um texto, que na verdade, é um dos meus preferidos. Eu espero que vocês gostem e que após ler esse texto, ele inspire vocês. Então, vamos lá:

É tão estranho ver o quanto as pessoas estão acostumadas a terem sempre o medo de tudo. A insegurança de não dar certo. O medo de se machucar.

Do que adianta ter na parede de sua casa um quadro dizendo “life is too short to live with regrets” se você o olha sempre que acorda, mas não tira nada dele e continua vivendo no tédio, sem se aventurar, conhecer coisas novas, sem se arrepender.

Sempre depois de um arrependimento, vem um aprendizado. Nada acontece por acaso.

Viva sem preocupações, viva com alegria, amor, tranquilidade e sempre com muita fé de que o que for pra acontecer, acontecerá na hora certa, desde que você faça a sua parte.

Corra atrás dos seus sonhos, mesmo que todos falem “Ah, até parece que um dia você vai conseguir isso” ou “Você sonha demais”, ignore esse tipo de comentário e saiba que você é capaz!!

Se vocês gostaram, deixa um comentário aqui falando o que achou ou sugestões de temas para textos ou posts aqui no blog. Um muito obrigada a todos que estão lendo esse post 🙂

Continue Reading